TransAmerica

17/04/2009

Num mundo onde ninguém aceita ninguém e onde há quem glorifique um homem por ter sido crucificado, mas na realidade passam a vida a “crucificar” todo o mundo, este filme têm algum mérito. Pegando num caso de um homem que quer se tornar mulher, e a partir da ai, começa uma jornada para conquistar o seu objectivo. O filme têm pequenas partes interessantes, mas peca por se diversificar sem sentido, colocando demasiadas situações que não têm interesse à história e a afastam do seu objectivo. A nível cómico o trabalho não é muito brilhante.
De destacar a incrível prestação da Felicity Huffman.

1/5

Anúncios

Uma resposta to “TransAmerica”

  1. Red Dust Says:

    Aqui subiria a nota para 7/10.

    Não vejo o filme como uma comédia, mas antes um drama que revela alguma coragem no tema que aborda. Não é brilhante, mas podemos contar com uma interpretação determinada de Felicity Huffman.

    Abraço.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: